Bullet Journal

E na minha incansável jornada atrás de uma forma de me manter mais organizada, eu encontrei o bullet journal, uma coisa que mistura agenda, caderno de anotações, calendário, diário e o que mais você queira. Eu descobri o bullet journal através desse link do buzzfeed (que está em inglês, eu sei, mas eu vou falar sobre a maioria do que está lá aqui nesse post) e fui procurar algumas referências no instagram sobre esse negócio (aqui, aqui e aqui são os meus favoritos).

Mais especificamente falando, o bullet journal é um método de organização em que você coloca TUDO o que você precisa/quer em formato de “bullet points” – ou seja, listas com tópicos sucintos. A ideia aqui é que você não “perca muito tempo” (entre aspas porque essa ideia do tempo é uma outra discussão) com as suas anotações, sempre preferindo frases curtas às longas sentenças.

Ele geralmente vai começar com um índice, que você deixará em branco para ser preenchido depois. Esse índice tem como objetivo facilitar que você encontre as suas anotações – é para isso, inclusive, que todas as páginas do seu journal recebem uma numeração. Veja os exemplos.

Além do índice, é muito comum você encontrar sessões de aniversários, planejamentos futuros, planejamentos mensais e o registro diário – este último sendo o local onde você vai escrever suas listas de afazeres e notas do dia. O bom do bullet journal é que ele é personalizado por quem o está utilizando. Essas sessões, então, podem ser modificadas pela própria pessoa da forma que lhe for mais conveniente.

Pessoalmente falando, eu tentei dar uma chance para a ideia, mas não fiquei muito convencida. Não sei se era o caderno que eu utilizei (com pautas) ou se o “freestyle” realmente não é pra mim, mas não consegui me adaptar.

Nesse ano de 2017, inclusive, comprei um planner (a.k.a. uma agenda diferente, grande e cara) e estou AMANDO. A estrutura fixa, já com todos os meses/dias apontados me deixa muito mais tranquila na hora de manter meus compromissos em ordem.

No ano que vem eu estou planejando misturar a ideia do planner com o bullet journal – quero criar algo que tenha mais a minha cara e as “sessões” que eu realmente preciso, mas já deixando organizado todos os dias/meses do ano para que eu não me perca.

Para quem não gosta muito de agenda porque a considera muito rígida ou fixa, o bullet journal parece ser um ótima ideia de organização que não prende muito a mão de quem o está utilizando.

Um beijo e até a próxima.

Malu Chan

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s